Connect with us

Destaque HOME

O santuário, a vaca que não come capim, mas dá leite e a hora da revanche

mm

Publicado

em

Vamos começar fazendo uma pergunta: qual político deste país não queria ser recebido no santuário da Igreja Católica, na época em que as eleições se avizinham? Mas vamos evitar, nesta breve opinião, questionar o envolvimento de religião com política partidária, mistura que o bom senso nos ensina que extrapola a lei e o ideário republicano. Afinal, correríamos aqui o risco de ofender figuras ilustres que, apesar da nobreza do ofício, em dado momento, se veem na obrigatoriedade de participar de um momento político, em troca de algumas migalhas de asfalto.

Vamos, então, nos prender apenas à boa samaritana, a excelentíssima prefeita de Itanhém, Zulma Pinheiro (PMDB), que, estrategicamente, em época bastante apropriada, escolheu esse cenário santo para receber um dos seus candidatos.

Pois bem, o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Ângelo Coronel (PSD), foi recebido no santuário no início da tarde desta quinta-feira (11) por Zulma Pinheiro, que fez questão de levar seus dois irmãos, Álvaro Pinheiro e Newton Pinheiro, que ocupam três importantes secretarias municipais. Ela levou também cinco dos nove vereadores que compõem o Legislativo itanheense, inclusive uns dos que, no ano passado, criaram um grupo para fazer enfrentamento à prefeita na Câmara e, depois, em razão de interesses misteriosos, deixaram a oposição na mão.

Lá, o deputado, que é pré-candidato ao senado federal e tem o apoio do governador Rui Costa (PT), na presença de representantes do antigo Derba, prometeu encontrar meios para asfaltar o trecho que liga a rua Dois de Julho ao Santuário Jesus Misericordioso. Isso é bom, é bom demais, mas, santa inocência de quem não entender que a intenção de Zulma Pinheiro, ao levar o deputado para aquele espaço, foi impressionar o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia para fazê-lo acreditar que ela tem o apoio da maioria da população.

Por mais que políticos e os que ainda se intitulam líderes, que fazem oposição à prefeita saiam por aí fazendo seus acordos na moita e isso contribua para não reunir uma grande quantidade de voto em um ou dois candidatos apoiados pela oposição, pelo andar da carruagem dessa administração fracassada pelo descompromisso administrativo e pelo enojamento da prática do nepotismo, não há santo que fará a população se esquecer do homem que morreu em um canal irresponsavelmente aberto pela prefeitura, da mulher que ficou cega por falta de uma cirurgia determinada pela Justiça, da falta de pagamento do Dr. Ramon, que por pouco não foi obrigado a deixar o distrito de Batinga, das pontes que caíram e por quase nada não provocaram acidentes graves, dos salários atrasados, dos 40 dias de greve dos professores, do aluno que veio de bicicleta da roça para a escola – e de tantos outros –  por falta de transporte escolar, das ruas esburacadas na sede e nos distritos, das estradas mal cuidadas, das bolachas e suco distribuídos na merenda, do pai e da mãe desesperados que foram ao Hospital Maria Moreira com o filho em estado gravíssimo e não tinha médico, do fechamento das escolas Efai e Renascer, da falta de apoio aos projetos sociais que davam assistência a centenas de crianças em situação de risco, do homem de Vila São José que ficou 24 dias com o braço fraturado, da professora que quebrou a perna por falta de reparo no calçamento, das centenas de famílias desempregadas que passam por sérias dificuldades financeiras, dos urubus que fazem festa nos quatro cantos da cidade em razão do inadequado recolhimento do lixo, do comércio falido e sem estímulo, do projeto de lei sancionado por Zulma Pinheiro, mandando pagar férias e décimo terceiro a prefeito, vice-prefeito, vereadores e secretários municipais, entre outras tristes situações.

Tudo bem que o governador Rui Costa parece ter a aprovação da maioria dos itanheenses e esse pode nem ser o caso do deputado Ângelo Coronel mas, chegou a hora da revanche. Este é o momento exato de mostrar a insatisfação com políticos que administram apenas para seus familiares e amigos mais próximos e que só têm os olhos voltados para a vaca que não come capim, mas dá leite.

Destaque HOME

Secretária afirma que não negou passagem para mulher que fez cirurgia em Salvador

mm

Publicado

em

A secretária da Saúde de Itanhém, Renilda Chapeu, falou sobre a reportagem “Mulher diz que secretaria da Saúde de Itanhém negou passagem para retorno de cirurgia em Salvador”, publicada no Água Preta News, garantindo que a secretaria não disse que não daria as passagens.

A funcionária pública Idália Rodrigues de Sousa, no último dia 13 de junho, fez uma histerectomia (cirurgia de retirada do útero) e, de acordo com relatórios médicos apresentados a este portal de notícias, precisa retornar ao Hospital da Mulher Maria Luiza Costa dos Santos, na capital baiana, na próxima quarta-feira (18). Mas ela foi à secretaria da Saúde e, mesmo tendo avisado com antecedência, alega que foi informada pela secretária na manhã desta segunda-feira (16), que as passagens não seriam liberadas.

Entretanto, de acordo com Renilda Chapeu, Idália Rodrigues foi por duas vezes à cidade de Salvador, na ocasião da cirurgia, com tudo pago pelo município e que, nesta segunda-feira, ela esteve na secretaria à procura de passagens para fazer uma revisão, mas que não aceitou ser avaliada pelo ginecologista que presta serviços em Itanhém.

“Só pedi a ela para ser avaliada pelo nosso médico e claro que ela iria [para Salvador] se houvesse necessidade, isso, para evitar gasto e evitar essa viagem longa e cansativa”, explicou a secretária.

Ainda de acordo com a secretária, em nenhum momento foi dito a Idália Rodrigues, que a secretaria não daria as passagens.

“Eu disse que ela pudesse ficar tranquila porque, antes da viagem eu retornaria se sim ou não e, se ela precisasse ir, com certeza ela iria sem problema nenhum, inclusive vim à prefeitura para buscar recursos e encontrei com ela e acabei pegando as passagens de outras pessoas e dei a ela”, disse Renilda, com o cuidado de acrescentar que as passagens serão repostas para as pessoas que estão agendadas ainda para a semana que vem.

Duas passagens

Idália Rodrigues, que é concursada há 22 anos para a área de serviços gerais, confirmou à reportagem que recebeu da secretária duas passagens, mas que, no total deveriam ter sido quatro, em razão de ela necessitar de acompanhante. Ela disse ainda que, além das passagens, a secretaria teria que repassar o valor de R$ 397, referente a hospedagem.

“Quando eles viram a reportagem correram atrás de mim para liberar o dinheiro. Eles deram as passagens de ida e volta, mas a hospedagem eles não deram e do jeito que fizeram comigo podem fazer pior com outras pessoas”, explicou, assegurando que pessoas da comunidade estão se mobilizando para ajudá-la.

FOTO: Funcionária pública Idália Rodrigues.

Continuar leitura...

Destaque HOME

Mulher diz que secretaria da Saúde de Itanhém negou passagem para retorno de cirurgia em Salvador

mm

Publicado

em

Idália Rodrigues de Sousa procurou a reportagem do Água Preta News, na manhã desta segunda-feira (16), alegando que a secretaria da Saúde do município de Itanhém negou passagem para ela retornar a Salvador, onde, no último dia 13 de junho, fez uma histerectomia, que é a cirurgia de retirada do útero.

LEIA também:

Mulher que está cega por omissão da prefeitura de Itanhém era eleitora da família de Zulma Pinheiro

Ela encaminhou ao site documentação comprobatória de que, na próxima quarta-feira, tem revisão agendada para às 6h, no Hospital da Mulher Maria Luiza Costa dos Santos, na capital baiana. No relatório médico há a prescrição da necessidade de marcar retorno com o cirurgião que fez a histerectomia.

Idália disse ter feito na secretaria da Saúde em Itanhém, em dezembro do ano passado, o TFD (Tratamento Fora de Domicílio), que é um instrumento legal que visa garantir, através do SUS, tratamento médico a pacientes portadores de doenças não tratáveis no seu município de origem. Ela disse ainda que, em razão de ter feito o TFD, o município recebe verbas para pagar o seu deslocamento para Salvador.

De acordo com Idália, a secretária Renilda Chapeu, que tem apenas formação em enfermagem, ignorou a recomendação médica prescrita no relatório, de que a paciente precisa retornar à unidade de saúde.

“Só que hoje cheguei aqui na secretaria para retirar as passagens, que havia dado entrada na segunda-feira e a secretária Renilda disse que não vai liberar as passagens e não vai liberar o TFD para mim, porque é apenas uma revisão de cirurgia, que eu não tenho mais risco nenhum e que vai providenciar um médico para eu fazer a revisão por aqui”, explicou Idália.

Esgotada as esperanças na secretaria da Saúde e com dificuldade para se locomover, em razão do período pós-operatório, Idália seguiu para o fórum local, acreditando que, através da Justiça, possa conseguir chegar a Salvador na quarta-feira.

O Água Preta News fez contato com a secretária, mas, até o fechamento da reportagem, não obteve retorno.

Continuar leitura...

Destaque HOME

Domingo (15) é o último dia para se inscrever em cursos técnicos em informática e suporte e manutenção em informática em Medeiros Neto

mm

Publicado

em

Este domingo é o último dia para se inscrever em cursos técnicos em informática e suporte e manutenção em informática, para estudar no Centro Territorial de Educação Profissional (CETEP) na cidade de Medeiros Neto, onde os cursos são todos gratuitos.  Estes cursos estão disponíveis apenas para quem já concluiu o ensino médio, nos turnos vespertino e noturno. As inscrições para o processo seletivo devem ser feitas no endereço http://processoseletivoeptec.educacao.ba.gov.br.

O estado ainda oferece 42 cursos em 82 municípios. No total, há 9.335 vagas de cursos técnicos de nível médio. Em Medeiros Neto ainda há vagas para curso Técnico em Agroecologia, para quem já concluiu o ensino médio e também para quem concluiu apenas o 9° ano e tem 18 anos ou mais.

O curso de Agroecologia segue o mesmo formato da Escola Família Agrícola de Itanhém (EFAI), que a prefeita Zulma Pinheiro e seu irmão secretário da Educação fecharam. O período é integral, manhã, tarde e noite e em regime de alternância, uma quinzena na escola e outra em casa, na comunidade onde mora.

Para este curso a unidade de ensino dispõe de alojamento, café da manhã, almoço e jantar gratuitos. As inscrições ainda podem serem feitas no CETEP, que está instalado onde funcionava a Escola Agrícola de Medeiros Neto, na BA-290, ou pelo telefone (73) 99940-4979 ou 99948-4212.

 

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado

EM ALTA