Connect with us

Destaque HOME

Zarfeg escreve sobre “Via Vida”, livro de estreia da poeta Cássia Oz

mm

Publicado

em

[Edelvânio Pinheiro]  O poeta e jornalista Almir Zarfeg escreve, nesta oportunidade, sobre o livro de poemas de estreia de Cássia Oz: “Via Vida”.

A título de curiosidade, tanto Zarfeg quanto Oz são itanheenses da gema e, também, membros efetivos da Academia Teixeirense de Letras (ATL)

Segue a resenha zarfeguiana em primeira mão:

“VIA VIDA”, MAS PODERIA SER “VIVA A VIDA”

Finalmente, Cássia Oz conseguiu publicar seu primeiro livro de poemas – “Via Vida” sai pela Câmara Brasileira de Jovens Escritores, do RJ. Trata-se de um projeto gráfico muito aquém da boa-nova que representa essa estreia poética, mas que, por outro lado, não dava mais para adiar.

Cássia Oz forma com Cynara Novaes as duas maiores expressões poéticas femininas de Teixeira de Freitas e região.

Ambas cultivam o verso livre e se expressam de maneira confessional e com absoluta originalidade. Mas, enquanto Cynara foca a sutileza das coisas, extraindo delas uma poesia leve e intimista, Cássia se volta para si, poetizando a dor do ser, com resultado existencial bem impactante.

Neste momento, me ocorrem duas imagens que ajudam a entender as poéticas em questão: a poesia de Cynara está para o sorriso contagiante e, por vezes, enigmático; a de Cássia, para o grito triste e, quase sempre, perturbador

Em essência, elas tratam do mesmo tema, mas cada uma o faz à sua maneira – impressão versus expressão –, com os instrumentos estético-expressivos de que dispõe o talento de cada uma delas. E chega de comparações.

Uma frase cara a Cássia Oz com consequências éticas e estéticas – “Viver é estar posto diante de fronteiras” – remete a Batinga, no município de Itanhém, divisa da Bahia com Minas, onde a poeta nasceu no verão de 1970. O rio Umburana separa os dois estados. Eu, que também vivencio essa dualidade de ser e estar, tratei da questão no poema “Baianeiroway”: “Por que eu subia e descia o mesmo rio, / Afora, nesta água que me inunda agora?”

Pois bem, o mérito de Cássia Oz reside no esforço enorme e, por vezes, singelo de responder às demandas da existência: estar permanentemente diante de fronteiras físicas e/ou existenciais, tendo que fazer escolhas e, atenção, escolher sem fugir à luta ou da luta. Lutar com palavras ou situações, como lembrou Drummond, é condição sine qua non apresentada – imposta mesmo – aos poetas dignos desse nome.

Essa dor de existir diante do mundo vasto mundo, portanto, inspira a confreira Cássia Oz a responder poeticamente com um grito doloroso e belo. Para tanto, ela se apossa da linguagem sem malabarismo e se expressa sem grandiloquência desnecessária. Ela apenas dá o seu recado com eficiênci

Porque – volto a repetir – os motivos e motrizes dessa eficiência poética são intrínsecos à poeta que os trabalha com habilidade diferencial. Em vez de priorizar o intimismo, o que não seria pouca coisa (vide Cynara), Cássia impacta o leitor com um texto expressionista e perturbador, pintando o real com as cores da sua sensibilidade.

A vidinha de quem experimentar isso com grandeza nunca mais será a mesma. Viva a Vida!

 

FOTO: Zarfeg e a professora Arolda entregam Prêmio Castro Alves de Literatura a Cássia Oz (centro)

Destaque HOME

Apoiadores de Mildson Medeiros vão receber Cacá Leão e Zé Cocá no trevo da cidade, de onde sairão em carreata

mm

Publicado

em

O ex-candidato a prefeito de Itanhém, Mildson Medeiros (PSD), anunciou nas redes sociais que a recepção aos candidatos a deputados que ele apoia vai iniciar no trevo da cidade, na BA-290, de onde todos seguirão em carreata para a Praça Otávio Mangabeira, no Bairro São João, onde está instalado o Terminal Rodoviário.

A expectativa dos apoiadores de Mildson  Medeiros é a de que a recepção a Cacá Leão [candidato a federal] e Zé Cocá, ambos do Partido Progressista, será o maior evento político do ano no município.

Ao contrário de outras recepções à candidatos, que aconteceu em locais de pouco espaço e inadequados,  como a Casa da Cultura, por exemplo, Mildson Medeiros escolheu um logradouro público, que poderá reunir o maior número possível de pessoas.

Considerado a maior liderança política do município da atualidade, o ex-candidato a prefeito mostra o seu prestígio político quando consegue trazer a Itanhém o vice-governador da Bahia, João Leão (PP), numa eleição muito disputada e com pouco tempo disponível para campanha.

Continuar leitura...

Destaque HOME

Vereador reivindica ambulância que teria sido solicitada por Ronaldo Correia

mm

Publicado

em

O vereador Sasdelli Resende (PSDB) reivindicou a ambulância que foi comprada para o município de Itanhém, através de uma emenda do deputado Roberto Brito (PP). A imprensa noticiou  que a ambulância havia sido solicitada pelo presidente da Câmara, Ronaldo Correia (PC do B). Até o site ItanhémFest, que dá sustentabilidade à administração de Zulma Pinheiro (MDB), prefeita a quem Sasdelli Resende é ligado politicamente, noticiou que o veículo tratava-se da segunda ambulância que Ronaldo Correia havia conseguido para a população de Itanhém.

Quando provocado em um grupo de WhatsApp, Sasdelli Resende publicou um documento que diz ser a comprovação de que a emenda da ambulância foi destinada a ele e não a Ronaldo Correia. Além disso, o vereador gravou um áudio nas redes sociais.

“Essa ambulância é um pedido que fiz, junto com a prefeita Zulma, ao deputado Roberto Brito. Mandei [no WhatsApp] foto do documento datado e assinado, de onde sai e para onde vai, então, está tudo registrado. Até o final de semana Batinga será contemplado, como foi prometido pelo vereador Sasdelli”, disse.

Com a reivindicação de Sasdelli Resende, Ronaldo Correia precisa agora apresentar à população a segunda ambulância que disse ter conseguido para Itanhém, através do deputado Roberto Brito. O parlamentar, por sinal, em reportagem no último dia 4 de agosto afirmou ao Água Preta News a existência de uma emenda para aquisição de uma ambulância que havia sido solicitada por Ronaldo Correia. Até o momento o presidente da Câmara não se manifestou sobre o assunto.

FOTO/redes sociais: A ambulância, de acordo com o vereador Sasdelli atenderá a população de Batinga.

Continuar leitura...

Destaque HOME

Vereador desmente assessor da prefeita, dizendo que deputados não são contra asfalto de Batinga

mm

Publicado

em

A prefeita de Itanhém, Zulma Pinheiro (MDB), não executou emendas importantes para o desenvolvimento do município, que foram solicitadas pelo vereador Whindson Moreira Mendes, o Nem Mendes (PP), aos deputados Ronaldo Carletto e Robinho, ambos do Partido Progressista.

O vereador, que já foi presidente da Câmara Municipal, faz oposição a chefe do Executivo e os deputados não são os candidatos que ela apoia.

No total, Nem Mendes conseguiu R$ 630 mil em emendas com os parlamentares: R$ 300 mil para a saúde, R$ 80 mil para aquisição de uma ambulância e R$ 250 mil para o calçamento de várias algumas no distrito de Batinga. Todos esses valores, de acordo com o vereador, já foram depositados na conta da prefeitura e as obras não têm se quer previsão de início.

Com os deputados, Nem Mendes ainda conseguiu a perfuração de um poço artesiano, com uma vazão de 28 mil litros de água por hora e a construção de toda a logística de distribuição da água para mais de 430 residências do distrito de Santa Rita do Planalto. Só na logística foram investidos R$ 530 mil. Esta obra vem sendo realizada porque, segundo Nem Mendes, não depende de decisão da prefeita para executá-la.

Na defesa dos interesses políticos de Carletto e Robinho, Nem Mendes, entre outras lideranças, conta com o apoio do vereador André Correia (PHS), que é o maior nome da oposição no Legislativo.

Na noite desta segunda-feira (24), nas redes sociais, um dos assessores da prefeita fez insinuações de que os deputados Ronaldo Carletto e Robinho são contra o asfaltamento da BA-290, no trecho que liga a cidade de Itanhém ao estado de Minas Gerais e o vereador rebateu a postura do assessor.

“Tenho motivos para não votar mais. Já votei e não gostei. Querer impedir o asfalto pra Batinga é golpe baixo”, escreveu o assessor em um grupo de WhatsApp, ao passo que contestado pelo vereador. “Como assessor da prefeita, pede a ela para executar a emenda que os deputados Robinho e Ronaldo Carletto colocaram para fazer o calçamento de Batinga”, disse Nem Mendes, desafiando. “Aí você vem com essa mentira que os deputados estão contra o asfalto; manda aí a reportagem que você viu”.

FOTO/arquivo: Nem Mendes quando esteve na CERB, em Salvador, com o deputado Robinho, para conseguir poço artesiano e outras obras.,

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado

EM ALTA