Connect with us

Entretenimento

7 coisas que você precisa saber sobre o açúcar

mm

Publicado

em

[MSN] Um acordo assinado pelo ministro da Saúde, Gilberto Occhi, e os presidentes das principais indústrias brasileiras de alimentos e bebidas estabelece uma meta para reduzir mais de 144 mil toneladas de açúcar nos produtos fabricados no país até 2022.

Chocolates, laticínios, biscoitos recheados, bebidas açucaradas, misturas de bolo são as categorias de alimentos que fazem parte do acordo.

O açúcar é realmente um vilão para a saúde? Os adoçantes não calóricos são uma alternativa no combate a obesidade? A nutricionista e consultora do Salud en Corto, Iara Pasqua, responde a essas dúvidas.

O que são os açúcares?

Os açúcares são carboidratos que servem como principal fonte de energia para o corpo. Existem muitos tipos de açúcares, mas a sacarose é a mais conhecida de todas. É composto de moléculas de frutose e glicose e dois tipos de açúcar natural encontrados em frutas e vegetais

Outros açúcares que também podem ser usados na produção de alimentos e bebidas são xarope de milho, xarope de milho rico em frutose, mel, lactose (açúcar do leite) e outros tipos de xaropes. Todos esses açúcares são convertidos em frutose e glicose durante a digestão. Exceto pela lactose, que é dividida em glicose e galactose.

Como o corpo usa açúcares?

Como mencionado anteriormente, os açúcares são uma fonte de energia para o corpo, especialmente durante atividades físicas intensas. Não há diferenças nutricionais entre os açúcares e nosso corpo usa todos os tipos da mesma maneira.

Durante a digestão, os açúcares, como a sacarose e a lactose, e outros carboidratos, como os amidos, se transformam em açúcares simples (ou simples). Açúcares simples, em seguida, viajam através da corrente sanguínea para as células do corpo, fornecendo energia que pode ajudar a produção de proteína, ou são armazenados para uso futuro. O cérebro e os glóbulos vermelhos só podem usar glicose como energia. Durante a gravidez, a glicose também ajuda a formar células e produzir leite.

+ Saborosa, nutritiva e rápida: aprenda a fazer uma lasanha de berinjela

Por que os açúcares são adicionados aos alimentos?

Os açúcares desempenham papéis importantes na alimentação. Eles adicionam sabor, textura e cor aos produtos assados. Eles fornecem energia para o fermento usado no cozimento do pão e ajude a equilibrar a acidez em molhos de tomate e molhos de salada.

Certos açúcares também desempenham papéis especiais, invertendo o açúcar, o que impede a cristalização da sacarose em doces. O xarope de milho é usado em alguns alimentos porque é menos doce que a sacarose.

Os adoçantes não calóricos podem substituir o açúcar?

Os adoçantes podem substituir o açúcar e a composição dos alimentos industrializados. As pessoas que querem controlar seu consumo de açúcar podem incluí-las como uma ferramenta, acompanhadas pela ajuda de um profissional capacitado, para que a pessoa possa seguir um plano estruturado para sua dieta, que deve incluir refeições balanceadas e atividade física regular.

Qual a importância da redução do açúcar para a saúde?

Este é um passo muito importante na promoção da saúde, mas há necessidade de medidas adicionais, como maior acesso a alimentos saudáveis e, especialmente, mais conhecimento sobre o assunto.

+ O que é pior para a saúde, manteiga ou margarina? Estudo responde

A medida pode estimular uma mudança de comportamento por parte dos consumidores?

É possível se houver disseminação de informações sobre o assunto. A educação alimentar pode mudar o comportamento das pessoas.

Os açúcares causam ganho de peso?

Os açúcares não causam ganho de peso. O excesso de gordura corporal ocorre quando uma pessoa ingere mais calorias do que o necessário. Calorias extras podem vir de qualquer nutriente calórico (proteínas, gorduras, álcool e carboidratos). O sedentarismo, ou seja, a falta de atividade física também desempenha um papel significativo na obesidade.

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado
Clique para comentar

Deixe sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entretenimento

Começa, no SUS, campanha nacional de vacinação contra a gripe

mm

Publicado

em

[Veja]A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe começou nesta quarta-feira na rede pública e tem como foco as crianças de um a menores de 6 anos de idade, gestantes e puérperas (com menos de 45 dias após o parto). Os demais integrantes do público-alvo da mobilização, como idosos e pacientes com doenças crônicas, serão imunizados a partir do dia 22. Quem não faz parte dos grupos prioritários pode tomar a vacina, mas ela só está disponível na rede privada, onde o preço da dose varia entre R$ 80 e R$ 130.

Nas clínicas particulares, é oferecida a dose tetravalente do imunizante, que contém vírus similares ao influenza A/Michigan/45/2015 (H1N1) pdm09, influenza A/Switzerland/8060/2017 (H3N2), influenza B/Colorado/06/2017 (linhagem B/Victoria/2/87), que estão presentes da vacina oferecida pelo Sistema Único de Saúde (SUS), além do influenza B/Phuket/3073/2013 (linhagem B/Yamagata/16/88).

“As duas vacinas estão disponíveis na rede privada, a trivalente e a tetravalente, mas 90% da nossa demanda é pela dose com os quatro sorotipos. As pessoas buscam pela proteção maior para viajar e porque a vacina da rede pública não está disponível para todo o público”, explica Geraldo Barbosa, presidente da Associação Brasileira das Clínicas de Vacinas (ABCVac).Veja também

Continuar leitura...

Entretenimento

Fast food mata mais do que cigarro e pressão alta, diz estudo

mm

Publicado

em

[O Globo]A dieta mais comumente associada à cultura ocidental — com muito sal e gordura e poucas frutas ou fibras — é responsável por mais mortes no mundo do que o fumo e a pressão alta, concluiu um estudo da Universidade de Washington (EUA), publicado na revista científica “The Lancet”.

Cerca de um quinto das mortes no mundo podem ser atribuídas à alimentação pouco saudável, que é a causa principal de doenças cardíacas, câncer e diabetes.

A pesquisa comparou as dietas, taxas de doenças e de mortes em 195 países. Ela mostrou que os maus hábitos alimentares estão se disseminando, com maior consumo de carne e menor consumo de vegetais, além da proliferação da chamada “fast food”.

Em 2017, essa dieta ruim matou 11 milhões de pessoas — 22% do total de mortes no mundo, naquele ano. O cigarro respondeu por 8 milhões de mortes, e a pressão alta, por pouco mais de 10 milhões.

A baixa ingestão de frutas e fibras e o alto consumo de sódio, presente no sal, causaram mais da metade das mortes ligadas à má alimentação. O restante está ligado ao alto consumo de carne vermelha e processada, refrigerantes e outras bebidas artificiais.

Os cientistas responsáveis pelo estudo afirmaram que, pior do que comer alimentos cheios de sal e de gordura, é não comer os saudáveis. “Políticas que promovem o consumo de comida saudável podem ter melhores efeitos do que aquelas que tentam reduzir o consumo de fast food”, disse o chefe do estudo, Ashkan Afshin, da Universidade de Washington.

Foto: Thays Bittar

Continuar leitura...

Entretenimento

Receita de ovo recheado com trufa de morango

mm

Publicado

em

[MSN] O ovo recheado com trufa de morango é um ovo de Páscoa caseiro que todos vão amar! É uma delícia e supercremoso. Aprenda a preparar:

Tempo: 1h30 (+1h de geladeira)

Rendimento: 2

Dificuldade: médio

Ingredientes do Ovo recheado com trufa de morango

  • 700g de chocolate ao leite picado

Trufa

  • 300g de chocolate branco picado
  • 1 caixa de creme de leite (200g)
  • 1/2 colher (chá) de corante em gel vermelho
  • 1 colher (sopa) de essência de morango

Modo de preparo

Para a trufa, derreta o chocolate branco em banho-maria.

Misture o creme de leite, o corante e a essência, mexendo até ficar homogêneo. Reserve na geladeira por 30 minutos.

Derreta o chocolate ao leite em banho-maria até dissolver por completo.

Transfira para o banho-maria de gelo para fazer um choque térmico, mexendo com uma espátula até o chocolate esfriar.

Despeje uma camada de chocolate sobre 4 fôrmas para ovo de Páscoa de 500g com a ajuda de uma colher, espalhando para fazer uma camada uniforme.

Vire a fôrma sobre a tigela de chocolate derretido, batendo ligeiramente para escorrer o excesso.

Limpe o excesso de chocolate da borda com uma faca lisa. Leve à geladeira por 15 minutos ou até firmar.

Repita o processo fazendo outra camada de chocolate.

Leve à geladeira por mais 15 minutos e faça uma camada generosa com a trufa, preservando 1cm da borda.

Finalize, com uma camada com o restante do chocolate e leve à geladeira até firmar.

Desenforme o ovo com cuidado. Una 2 metades, formando um ovo, e embrulhe em papel laminado, papel celofane e decore com um laço.

Mantenha na geladeira até o momento de servir.

COLABORAÇÃO: Mariana Maluf Boszczowski/
Stela Handa/Colaboradora | Produção: Maria Olinda Cabral

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado

EM ALTA