Connect with us

Destaque HOME

Bebê de 2 dias que nasceu em Itanhém precisa ser transferido urgentemente para Teixeira de Freitas

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

Um bebê de apenas dois dias de nascido pode pegar uma infecção e morrer a qualquer momento no Hospital Maria Moreira Lisboa, na cidade de Itanhém. Ele nasceu no último domingo (29), com um problema congênito, que causou um ferimento gigante nas nádegas e costas.

 

A mãe, Jaíne Alves da Silva, de 19 anos, mora com o marido, que é vaqueiro, numa fazenda no município, próximo à Vila Resende.

 

A avó da criança, dona Altina Alves da Silva, de 54 anos, é moradora do Bairro Monte Santo. Com sérios problemas financeiro, ela sobrevive com apenas R$ 400 que recebe do Bolsa Família do governo federal. Foi ela que, desesperada, procurou a reportagem do Água Preta News para que, através de uma reportagem, alguém tomasse providência junto aos órgãos públicos. A entrevista pelo WhatsApp teve que ser feita através da gravação de áudio porque dona Altina é analfabeta.

 

“Minha situação não dá nem para levar a merenda pra minha filha no hospital e estou muito preocupada com situação dessa criança, que chora todo dia, não está mamando e pode morrer com aquela ferida”, contou.

 

A reportagem fez contato com a direção do hospital, que informou “que assim que saiu da sala de parto o médico verificou o problema e pediu a transferência para a UMMI [em Teixeira de Freitas, mas] daquele momento até hoje se renova o pedido da transferência e até a presente hora não chegou a autorização”.