Connect with us

Notícias

Bloco Parlamentar vai a Salvador solucionar a falta de água em Batinga

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

Compartilhe

Todo ano a população do distrito de Batinga, município de Itanhém sofre com o racionamento e até com a falta completa de água nas torneiras.

A solução encontrada pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) foi transferir o sistema de captação do rio Macaco Duro, na Bahia, para o rio Umburana, que fica em território mineiro.

Acontece que, para funcionar uma plataforma flutuante no rio Umburana é necessário o deslocamento de um gerador, que a Embasa só faz uso em situações emergenciais. Assim, quando a empresa precisa de gerador em outra localidade, o abastecimento em Batinga fica comprometido. A solução mais viável seria a instalação de um sistema de captação no rio Umburana, com eletricidade definitiva.

Por esta razão, os vereadores do Bloco Parlamentar estiveram recentemente na Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, em Salvador, solicitando a instalação elétrica para substituir o gerador.

Atendendo a solicitação dos vereadores, a Embasa solicitou a ligação elétrica à CEMIG , empresa responsável pela energia em Minas Gerais, porém, é necessário que haja o termo de cessão da área a ser fornecida pela prefeitura da cidade mineira de Bertópolis, por onde irão passar as instalações elétricas. Mas esse termo já foi solicitado pelo Diretor de Operações do Interior, José Ubiratan Cardoso Matos, e encontra-se em análise.

Recentemente, a Câmara de Itanhém recebeu o ofício nº 018/2017, da Embasa, informando sobre a solicitação encaminhada pelos vereadores do Bloco Parlamentar ao Diretor de Operações, enfatizando as ações que estão sendo feitas para, o quanto antes, solucionar, em definitivo, a falta d’água nas torneiras dos batinguenses.

Quando estiveram em Salvador, os vereadores do bloco foram acompanhados por Osni Cardoso, assessor especial do governo da Bahia e pelo deputado federal Nelson Peregrino (PT).

FOTO: Vereadores Nem Mendes, André Correia, Audrey Correia, Caboquinho e Marquinhos de Ibirajá, que formam o Bloco Parlamentar.