Connect with us

Destaque HOME

Bom de briga, Caboquinho impõe nova derrota a Sasdelli Resende

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

Compartilhe

 

O presidente da Câmara de Itanhém, Deilton Porto, o Caboquinho (PP), impôs nova derrota ao vereador Sasdelli Resende (MDB) no processo judicial que afastou Sasdelli do cargo de presidente da Câmara de Itanhém.

Em recente decisão do 2º vice-presidente do Tribunal de Justiça da Bahia, desembargador Augusto de Lima Bispo, não foram admitidos os recursos que Sasdelli interpôs contra a decisão da 3ª Câmara Cível, que havia mantido a anulação da eleição da mesa diretora. Desta forma, o desembargador considerou desprovido de fundamento para que os recursos fossem remetidos aos tribunais superiores.

Na prática, Sasdelli Resende tentava levar o processo para o STJ (Superior Tribunal de Justiça) e para o STF (Supremo Tribunal Federal), em Brasília.

Na sua decisão, o desembargador destacou que “a hipótese de eventual acolhimento da pretensão recursal demandaria o revolvimento do acervo fático-probatório dos autos, o que se mostra inviável ante a natureza excepcional da via eleita.”

Com essa decisão, a possibilidade do retorno de Sasdelli à presidência da Câmara de Itanhém fica ainda mais remota, já que não lhe restam muitas alternativas processuais.

Por outro lado, ficam claras a força, a coragem e a determinação que o vereador Caboquinho tem, provando mais uma vez que, de fato, é realmente bom de briga.