Connect with us

News

Caros vereadores: vacância não vem de vaca, mas vocês avacalham a Casa do Povo

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

Compartilhe

Após o recesso, depois que a primeira sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Itanhém, realizada na última segunda-feira (5), se transformou numa bagunça, convém fazer um esclarecimento… etimológico!

A avacalhação teve início quando uma decisão judicial declarou a vacância da presidência da mesa diretora. “Vacância, do latim ‘vacantia’, estado do que não se encontra ocupado ou preenchido”, ensina o dicionário Houaiss.

Para resolver a tal vacância – com a eleição de um novo presidente da mesa diretora –, o cargo está sendo exercido interinamente por Ronaldo Correia (PC do B), por ser o edil mais velho do Legislativo itanheense. Estava, porque os vereadores da oposição se debruçaram sobre o regimento interno e, zás, chegaram à conclusão de que o presidente interino deve ser escolhido pela maioria, democraticamente, no mano a mano.

Chegou-se, então, ao impasse. E uma boa solução para um impasse pode ser, sim, um passe de mágica! A mágica coube a Ronaldo Correia, então presidente interino, que decidiu encerrar a sessão ordinária (bota ordinária nisso) dando um basta na bagunça.

Ronaldo optou pelo passe de mágica, mas cinco vereadores, aqueles do vergonhoso bloco parlamentar, mesmo com quase todas as luzes apagadas, permaneceram na Casa do Povo e elegeram Audrey Correia (PR) presidente interino. Dessa maneira, pro bem e pro mal, a Câmara de Itanhém possui dois presidentes interinos: Ronaldo Correia e Audrey Correia! Pelo menos foi o que se viu no meio daquela bagunça.

A avacalhação e a desordem mereceram até uma rima: “Além de parentes, eles são presidentes!”.

Os nobres vereadores precisam compreender, de uma vez por todas, que vacância não tem nada a ver com vaca. Mas, ao agirem assim, eles conjugam muito bem o verbo avacalhar. Transitivo direto.

[Por Edelvânio Pinheiro. Foto: Elizeu Binas]

Continue Reading
1 Comment

1 Comment

  1. Avatar

    Vilson ruas (gude))

    agosto 7, 2019 at 8:28 pm

    E na proxima eleicao nao votar nessa cambada que ganha quuase 5000 por mes para ir brigar um dia por semana na camara voce disse cachorada e poe cachorada nisso

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *