Connect with us

Destaque HOME

Greve de professores em Itanhém continua. Secretário não havia entregado documentação à APLB até meio da tarde

mm

Publicado

em

Em assembleia extraordinária, na manhã desta sexta-feira (13), na Escola Municipal São Bernardo, em Itanhém, professores da rede municipal de ensino, decidiram, por unanimidade, que a paralização das aulas vai continuar até que técnicos da APLB (Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Bahia) faça a análise dos documentos que comprovem a existência de recursos financeiros para atender as reivindicações dos trabalhadores em educação. A greve já dura 13 dias.

O secretário da Educação, Álvaro Pinheiro, que é irmão da prefeita Zulma Pinheiro, em reunião com pais de alunos, na última quarta-feira (11), se comprometeu entregar à APLB documentação sobre discriminação de recursos da educação. A reunião, que ocorreu depois de uma manifestação de alunos e pais de alunos na prefeitura e na sede da secretaria da Educação, foi mediada pelo juiz Argenildo Fernandes.

Acontece que, pelo menos até meio da tarde desta sexta, quando o Água Preta News fez contato com o Marco Antônio Pires dos Santos, que é coordenador do núcleo sindical, a APLB não havia recebido nenhum documento da secretaria da Educação.

Na assembleia havia também a proposta de suspender a greve, até que a análise dos técnicos da APLB fosse concluída, mas não foi aceita pela categoria.

Diretor

Marcos Correia Amorim, diretor da Escola José Alves de Sousa, em Vila São José, presente na assembleia, justificou que sua ausência nas manifestações do movimento se deu em razão dele ter assumido ministério na igreja evangélica da qual faz parte. Mas assegurou apoio à greve.

“Estou apoiando a greve, inclusive a nossa escola está fechada”, explicou.

Para ele o secretário da Educação, Álvaro Pinheiro, está mal assessorado.

“Acho que a parte da secretaria está mal assessorada, acho que precisa ter alguém para assessorar”, sugestionou. “Nas oportunidades que tive com o secretário disse a ele para fazer de tudo para evitar a greve, mas, infelizmente, não escuta a gente”, enfatizou.

O diretor admitiu que a qualidade da merenda escolar oferecida pela prefeitura aos alunos precisa melhorar.

“Em relação à merenda, realmente ela não está com a qualidade que deveria estar, esperamos que melhore”, opinou.

Correia ainda questionou a falta de transparência no emprego dos recursos da educação.

“Às vezes a gente sabe todo o valor do dinheiro que vem, mas a prestação de quanto que é gasto a gente não sabe”, criticou. “Então a gente fica meio que perdido, pois sabemos quanto que entra nos cofres públicos, agora, o que está gastando, quanto está gastando, a gente fica sem saber para se posicionar realmente”, questionou. “Então, é preciso que se prove o que está gastando para a gente ter a noção, porque só falar que entra ‘x’ e não tem a saída, a gente fica meio que perdido”, concluiu.

Marcos Correia, diretor de escola em Vila São José.

Destaque HOME

Professora de Itanhém procura por documentos perdidos

mm

Publicado

em

Uma professora que mora na cidade de Itanhém sumiu uma bolsa contendo todos os seus documentos pessoais. Ludgéria Alves Gomes Pereira registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil de Itanhém nesta sexta-feira (1), mas não sabe precisar se o desaparecimento da bolsa ocorreu em Itanhém ou em Teixeira de Freitas.

A bolsa é pequena, de alça e da cor bege. Contatos podem ser feitos no WhattsApp (73) 9 9840-6101

Continuar leitura...

Destaque HOME

Vereadores votam contra solicitação de concurso público em Itanhém

mm

Publicado

em

Na reunião desta segunda-feira (25), o presidente da Câmara de Itanhém, Sasdelli Resende (PSDB) e os vereadores Ronaldo Correia (PC do B), Valdemar Oliveira (PT), Audrey Correia (PR) e Gelson Picoli (PSDB) votaram contra uma indicação de André Correia (PHS), que solicitava à prefeita Zulma Pinheiro o encaminhamento à Câmara Municipal, de um projeto de lei para a realização de concurso público.

Na verdade, desde a semana passada André Correia vem tentando pautar esta indicação, mas, segundo ele, o presidente da Câmara – que tem o poder de decidir quais matérias que devem ser colocadas em votação – não colocou o assunto em pauta.

Nestes casos, o regimento interno do Legislativo Municipal prevê que qualquer vereador pode solicita que sua indicação seja votada pelo plenário e assim foi feito, mas o pedido foi reprovado.

André Correia disse que não vai baixar a cabeça e que vai continuar fiscalizando e apresentando  projetos e indicações em defesa da população.

“Quando aceitarem”, ironizou o vereador.

Além de André Correia votaram a favor do concurso público Deilton Porto, o Caboquinho (DEM) e Luiz Marcos Villas Boas, o Marquinhos (PSB). Whindson Moreira Mendes, o Nem Mendes (PP), não estava presente.

FOTO: Vereador André Correia disse que não vai baixar a cabeça.

Continuar leitura...

Destaque HOME

Carro pega fogo em avenida movimentada de Itanhém

mm

Publicado

em

Um automóvel pegou fogo na Avenida Maria Moreira Lisboa a, mais movimentada de Itanhém, onde funciona o verdadeiro centro comercial da cidade, por volta das 11h30 desta segunda-feira (25).

O Fiat Uno cor branca, placa JOB-5766, de procedência de Serra-ES, segundo informações de populares, tinha em seu interior apenas o condutor, que não se feriu. O trânsito chegou a ficar interrompido, mas já foi liberado com a retirada do carro do local.

O fogo danificou apenas a parte frontal do automóvel. Pessoas que passavam pela avenida e comerciantes ajudaram apagando o fogo com baldes de água.

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado

EM ALTA