Connect with us

Destaque HOME

Haverei de ver a casa de Dra. Kerry Anne sendo confundida com o Palácio de Buckingham

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

Compartilhe

 

Como eu queria ter aberto minhas redes sociais no início da noite deste domingo e visto a casa da Dra. Kerry Anne sendo confundida com o Palácio de Buckingham, mas, por enquanto, a área ao lado da piscina da ilustre advogada só foi confundida mesmo com a sala de visitas da casa da prefeita de Itanhém, Zulma Pinheiro.

A cegueira dos oportunistas, que vivem a venerar ideologias políticas, deixou opaca a nítida foto que fez chover curiosidades nas redes sociais neste dia de muito frio na cidade de Itanhém. Na imagem, o destaque foi o sorriso largo da doutora ao lado do marido Waguinho Borges e de seus convidados. Ou seria visitantes?

Quem vai saber? Afinal, da porta da casa pra dentro quem manda é o dono, não é mesmo, cara pálida?

Muito se perguntou que imagem era aquela e eu acho que a foto pode ser chamada de democracia, aquilo que muitos defendem, mas poucos a pratica.

Por falar em democracia, dentre os muitos comentários que li, principalmente nos grupos de WhattsApp, o do petista Rodrigo Canela, que é defensor incondicional da manifestação do pensamento, me chamou a atenção, uma vez que, em um triste episódio que ocorreu recentemente no distrito de Ibirajá, ele levantou a impávida bandeira da liberdade de expressão e da democracia mas, paradoxalmente, questionou a visita da prefeita à casa da doutora, se equivocando, por completo, ao colocar a prefeita como anfitriã, quando, na verdade ela era a visitante.

Antes que esses que vivem nas esquinas da vida preocupados com questões alheias, todos eles, questionem esse meu posicionamento referente ao pré-candidato Rodrigo Canela, que por sinal esteve recentemente no programa Tribuna do Povo, do qual sou o âncora hebdomadariamente, é bom que se registre que a minha “burrachada” não escolhe lombo de ninguém, embora que os microfones alemães da radio Master FM – desculpem a vaidade – estejam abertos para quem quer que seja.

Precipitado, o petista deu até preço para o espumante que foi servido aos visitantes. Assim, parece que se observou tudo, menos de que a casa era de Dra. Kerry Anne e não da prefeita. Essa precipitação, quem sabe, poderá ter feito nascer filhotes de dúvidas na cabeça da população acerca de mais de 20 pessoas relacionadas como agressoras do petista. Como perguntar não ofende: seria mesmo aquele tanto de gente ou o petista estaria precipitado?

A política, como sabe os mais experientes, é um jogo cheio de personagens, alguns são mesmo expert, outros se acham a cereja do bolo e tem até os que vivem a navegar ao sabor dos ventos. Mas são os eleitores que têm a carta branca dada por um senhor que atende pelo nome de livre-arbítrio.

Portanto, a doutora tem, como qualquer outro cidadão, o direito de escolher com quem trabalhar e a quem apoiar, se for o caso. Só posso mesmo dizer que quem tem o privilégio de tê-la como profissional e/ou aliada política, acaba por ganhar uma advogada inteligente, responsável, honesta, perspicaz e que é dona uma simpatia que ajuda na construção da boa imagem de qualquer candidato.

Mas, esse texto não foi construído para declinar os valores da doutora. Haja folha para descrevê-los. A questão aqui é tornar claro que a casa da doutora Kerry Anne não é de Zulma Pinheiro e pedir aos invejosos e cegos políticos de plantão que não deixem o diabo do pré-julgamento soprar coisas irreais aos ouvidos.

Quanto a foto, achei sublime, pois retrata a imagem de uma itanheense que não esconde com quem anda e demonstra que o álbum da vida dela é realmente aberto. Se você não quiser ver, tenho uma receita bem apropriada, feche os olhos.

E, como homem de opinião pública e amigo desta grande profissional, peço a Deus que um dia eu abra minhas redes sociais, após acordar num início de uma noite qualquer, e veja a casa da doutora sendo confundida com o Palácio de Buckingham, independente das visitas que lá estejam.