Connect with us

Sem categoria

Jaguatirica atropelada é salva em clínica de Teixeira de Freitas após ter sido resgatada por advogados na BA-001

mm

Publicado

em

Uma Jaguatirica de porte médio, com cerca de 100 centímetros de comprimento e pesando 11 quilos, com padrão de coloração da pelagem semelhante ao do gato maracajá foi resgatada desmaiada às margens da BA-001, no trecho entre o Trevo de Alcobaça ao Portal do Balneário de Guaratiba. O felino foi resgatado por um grupo de advogados e encaminhado para a Clínica Veterinária Zoopet de Teixeira de Freitas, uma das mais conceituadas clínicas veterinárias da região, onde foi salvo e devolvido ao IBAMA na tarde desta terça-feira (23/01) e levado para um centro de readaptação em Porto Seguro.

Os advogados Stefano Pelletti, Abisson Fernandes e Karla Drumond seguiam na manhã de sábado (23) de Teixeira de Freitas para o balneário de Guaratiba, no município de Prado, quando enxergaram o animal na beira da pista. Segundo o advogado Stefano Pelletti, eles pararam de imediato e logo detectaram tratar-se de uma Jaguatirica que parecia desmaiada e como não encontraram nenhum ferimento no felino, julgaram que ele poderia ter sido picado por cobra, contudo, ele respirava normalmente.

O advogado Stefano Pelletti disse que de imediato colocaram a Jaguatirica no porta-malas do carro e ligaram para o IBAMA informando o achado, quando foram orientados a socorrê-la. Por ocasião que a Jaguatirica deu entrada no sábado pela manhã na Clínica Zoopet. Conforme a médica veterinária Larrubia Ferraz, o animal chegou à clínica totalmente imóvel, desidratada, com fome, sede e sentindo febre.

Médica veterinária Larrubia Ferraz

A Jaguatirica foi sedada e examinada. Pelo exame de ultrassom ela apresentava um machucado na pata esquerda característico de um atropelamento, mas não havia trauma grave. Foi detectado um aumento do útero, mas não foi também detectada nenhuma hemorragia abdominal. De acordo com a médica veterinária Larrubia Ferraz, a Jaguatirica tem cerca de 7 meses de idade e se detectou pelos exames a formação das suas vísceras gestacionais, justificando que ela está prenha de 4 a 5 semanas.

Segundo a médica veterinária Larrubia Ferraz, a Jaguatirica tomou soro durante o final de semana, ingeriu vitaminas, antibióticos e recebeu vacinas e, já na segunda-feira (22) ela amanheceu normal e arisca, não permitindo mais que lhe tocasse, tendo se alimentado de carne e ração de gato.

 

“Trata-se de uma fêmea de grande elegância e beleza, que se encontrava machucada e desnutrida e após todos os procedimentos veterinários, tratamos a Jaguatirica e após 4 dias conosco a devolvemos para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, que a levou para o centro de readaptação do IBAMA em Porto Seguro. Para todos nós da Clínica Zoopet foi um grande presente ter tido a oportunidade de cuidar e salvar esta belíssima e preciosa gata selvagem na nossa Clínica”, festejou a médica Larrubia Ferraz.

Por Athylla Borborema/ Teixeira News

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado
Clique para comentar

Deixe sua opnião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sem categoria

Duas situações que o MP deve observar no caso da empresa que vereador André Correia suspeita está em nome de laranja

mm

Publicado

em

Lourival Lopes de Souza foi notificado para comparecer na próxima terça-feira (19), no Ministério Público (MP) em Itanhém, para dar esclarecimento na ação civil pública instaurada pelo promotor Fábio Fernandes Corrêa, depois de denúncia apresentada pelo vereador André Correia (PHS).

O MP já determinou diligências na Junta Comercial do Estado da Bahia (Juceb), para juntar ao inquérito civil contrato social e todas as movimentações financeiras feitas pela empresa, que terá que apresentar cópia dos processos licitatórios e de pagamentos referentes a todos os contratos celebrados com a prefeitura de Itanhém.

Entretanto, duas situações certamente devem ser observadas pelo Ministério Público nesse inquérito. A primeira é a existência de contas bancárias em nome da empresa e quem faz a movimentação delas. Se as contas existirem e não forem movimentadas pelo titular da empresa, existem procurações dando poderes, no mínimo, a outra pessoa. E, quem seria esta pessoa?

A segunda situação, também no mesmo nível de importância, são as declarações do imposto de renda de Lourival Lopes de Souza, referentes aos anos anteriores. O proprietário de uma empresa que movimenta milhões de reais e que tem uma prefeitura comprando cifras altíssimas não pode ter dado ao luxo de ter se declarado isento para a receita.

De acordo com a denúncia do vereador André Correia, Lourival figura como dono de um supermercado que “já recebeu mais de um milhão da prefeitura entre 2017 e 2018”. Parte desses valores foi pago com recursos do governo federal, ligados inclusive à secretaria da Educação do município, que tem à frente o ex-deputado Álvaro Pinheiro, que é irmão da prefeita do município, Zulma Pinheiro. O MP apura eventual ato de improbidade administrativa da prefeita.

O vereador acredita que Lourival Lopes de Souza não passa de ‘um laranja’ e que a empresa em seu nome, que tem Supermercado Apoio como marca de fantasia, não passou de uma manobra “para que o comércio do cunhado de outro irmão da prefeita pudesse celebrar contratos com a prefeitura”.

Continuar leitura...

Sem categoria

Ser professor em Itanhém não é fácil; ser aluno também não é

mm

Publicado

em

Ser professor em Itanhém não é fácil. A carreira é desvalorizada, a estrutura das escolas é precária e o secretário Álvaro Pinheiro, juntamente com sua irmã, a prefeita Zulma Pinheiro, promove um verdadeiro faz de conta na educação. Se não vejamos.

Alegando a necessidade de conter gastos, unidades de ensino foram fechadas, a exemplo da tradicional Escola Família Agrícola (Efai), que há mais de 40 anos formavam filhos de agricultores de todo o município. Entretanto, para Álvaro Pinheiro “a Efai era uma mentira”.

A Escola Cantinho do Saber, que foi referência na gestão do ex-prefeito Milton Ferreira Guimarães, o Bentivi, também foi fechada e, para o lugar dela, foi criado o Centro Municipal de Educação Infantil.

Comparado pelo secretário Álvaro Pinheiro com a educação da Finlândia, o centro infantil chegou a cobrar dos pais dos alunos uma lista de material enorme, inclusive resma de papel e até apontador, não um apontador qualquer, tinha que ser da Faber Castel.

Na atual gestão os professores se viram obrigados a fazer uma greve prolongada para, entre outras coisas, reivindicar o pagamento dos salários em dia. Pior ainda, depois da conquista histórica da eleição de diretores, na gestão passada, tiveram que ouvir o irmão da prefeita – que dita as cartas do baralho no município na atualidade -, dizer, na Câmara de Vereadores, que é contra a escolha de diretor através do voto.

Mas, ser aluno da rede municipal de ensino em Itanhém também não é fácil.

O ano letivo começou já faltando merenda escolar. A incompetência é tão grande que quase três meses de férias não foram suficientes para a equipe do secretário Álvaro Pinheiro planejar a distribuição da merenda, reformar as escolas, etc.

No distrito de Batinga uma professora deu o exemplo e denunciou nas redes sociais que, se não fosse o diretor de uma das duas escolas existentes naquela localidade, os alunos não teriam comido pão, salsicha e suco de saquinho, numa merenda improvisada nos primeiros dias de aula.

Além da péssima qualidade em que se encontra a maioria das escolas, o transporte escolar é de causar vergonha a qualquer prefeito que se respeite politicamente. No início da semana, internautas compartilharam pelo menos dois vídeos que mostram a vexatória qualidades dos ônibus onde os alunos são transportados.

Enquanto isso na Câmara Municipal, dos nove vereadores, apenas André Correia buscou o Ministério Público para apurar eventual ato de improbidade administrativa da prefeita, em licitações envolvendo um supermercado, localizado no distrito de Ibirajá. De acordo com o vereador, o supermercado está em nome de um laranja para tornar legal a celebração de contrato com a prefeitura.

André Correia acredita que, na verdade, a empresa seja do cunhado de Newton Pinheiro, que também é irmão da prefeita e ocupa duas secretarias: da Administração e Finanças e da Infraestrutura.

FOTO/arquivo: Secretário da Educação e irmão da prefeita Zulma Pinheiro.

Continuar leitura...

Sem categoria

Internautas mostram estado deplorável de ônibus escolar em Itanhém em início de ano letivo

mm

Publicado

em

A falta de merenda nas escolas no início do ano letivo, denunciada nesta terça-feira (12), por uma professora do distrito de Batinga, não é o único problema na educação no município de Itanhém. O transporte escolar, que nunca funcionou adequadamente na administração da prefeita Zulma Pinheiro, agora parece pior ainda.

Internautas compartilharam dois vídeos nas redes sociais no início desta semana, mostrando o péssimo estado de pelo menos dois ônibus escolares. Em um deles a situação é deplorável.

No interior do veículo as poltronas estão rasgadas e até soltas, há ferrugem por toda a parte e nas imagens não aparece nenhum cinto de segurança. Na parte externa a estrutura está danificada e pelo menos uma janela foi substituída por um material que parece plástico transparente.

Pelo menos uma das janelas está quebrada. Imagens extraídas de um dos vídeos.

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado

EM ALTA