Connect with us

Destaque HOME

Pré-candidato a prefeito de Itanhém está com chikungunya e zica vírus

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

Compartilhe

O pré-candidato a prefeito de Itanhém, empresário Saulo Ribeiro Cacique, o Saulo da Mecanon (Solidariedade), é a mais nova vítima de chikungunya e zica vírus. Há uma semana ele vinha sentindo os sintomas, mas não imaginava que testaria positivo para as duas doenças. O resultado saiu na manhã desta quarta-feira (27) e o Água Preta News teve acesso ao exame.

“Isso é um exemplo da falta de prevenção que fez com que o nosso município virasse um foco do mosquito Aedes aegypti”, disse Saulo.

Na semana passada, na reunião da Câmara de Vereadores, ao admitir que os focos do mosquito Aedes aegypti estão alastrados tanto na cidade quanto nos distritos, a secretária da Saúde, Renilda Chapéu, disse que em todo o município de Itanhém, até aquele momento, a secretaria  e a vigilância epidemiológica haviam notificado 200 casos de dengue, 156 de chikungunya e apenas seis casos de zika.

A secretária foi questionada pelo vereador André Correia (PP), que disse que esses números mostram na verdade uma subnotificação.

“O número de casos dessas doenças é infinitamente maior do que esses; desafio fazer uma live aqui, neste momento, e não aparecer mais de 300, 500 casos, digo apenas numa live, porque onde se passa em Itanhém há pessoas queixando-se de dores e com sintomas semelhantes aos da chikungunya, dengue e zika”, completou.

Saulo será o entrevistado do programa Tribuna do Povo, no próximo sábado (30), às 9h, na rádio Master FM.

LEIA também:

ÁUDIO: Secretária da Saúde de Itanhém admite que focos do mosquito Aedes aegypti estão alastrados na cidade e distritos

André Correia diz que casos de dengue, chikungunya e zika apresentados pela secretária à Câmara é infinitamente maior

Vídeo: Prefeitura de Itanhém joga lixo do mutirão de combate à dengue e chikungunya em frente casa de morador