Connect with us

Destaque HOME

Prefeitura de Itanhém recolhe lixo depois de reportagem no Água Preta News e Lucas Bocão

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

Compartilhe

Logo após a publicação pela Água Preta News da reportagem “Vídeo: Prefeitura de Itanhém joga lixo do mutirão de combate à dengue e chikungunya em frente casa de morador” a prefeitura recolheu o lixo na esquina das Ruas Belo Horizonte com a Honório Silva, no Bairro Leopoldina Botelho. O radialista Lucas Bocão também deu destaque à reportagem em seu programa.

A reclamação havia sido feita pelo juiz de paz do município e substituto de oficial do Cartório de Registro Civil de Pessoas Naturais, Álvaro Gundim, depois de ter convivido por uma semana com um monte de mato e lixo que a prefeitura retirou de quintais com foco do mosquito Aedes aegypti e jogou em frente a sua casa.

Lixo ficou durante uma semana em frente à casa do morador.

Dengue e chikungunya se alastraram em todo o município de Itanhém, vitimando centenas ou até milhares de pessoas. A mais recente vítima foi o empresário Saulo Ribeiro Cacique, o Saulo da Mecanon, que é pré-candidato a prefeito pelo Solidariedade. Ele teve simultaneamente zika vírus e chikungunya.

Recentemente a prefeitura, de acordo com a secretária da Saúde, Renilda Chapéu, contratou cerca de 100 pessoas para se juntar a 19 agentes de endemias que já cuidam ou deveriam cuidar da sede, vilas, distritos e zona rural.

VEJA também:

ÁUDIO: Secretária da Saúde de Itanhém admite que focos do mosquito Aedes aegypti estão alastrados na cidade e distritos

André Correia diz que casos de dengue, chikungunya e zika apresentados pela secretária à Câmara é infinitamente maior