Connect with us

News

Promotor manda prefeita de Itanhém apresentar documentos de licitações e pagamentos à empresa denunciada pelo vereador André Correia

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

Compartilhe

Na portaria nº 03/2019, instaurada na última quarta-feira (20), para apurar eventual ato de improbidade administrativa na administração municipal de Itanhém, o promotor Fábio Fernandes Corrêa mandou intimar a prefeita Zulma Pinheiro (MDB) para tomar conhecimento do inquérito civil e, no prazo de 10 dias, apresentar documentos ao Ministério Público (MP).

A denúncia feita pelo vereador André Correia (PHS) diz que um supermercado instalado no distrito de Ibirajá, que estaria ligada ao cunhado de Newton Pinheiro, “já recebeu mais de um milhão da prefeitura entre 2017 e 2018”. Newton é irmão da prefeita e é secretário da Administração e Finanças e da Infraestrutura.

O promotor ainda notificou Lourival Lopes de Souza, que figura como proprietário do supermercado, para comparecer à promotoria para prestar esclarecimentos e determinou diligências na Junta Comercial do Estado da Bahia (Juceb), para juntar ao inquérito civil contrato social e todas as movimentações da empresa.

A prefeita Zulma Pinheiro terá que apresentar cópia dos processos licitatórios e de pagamentos referentes a todas as contratações da empresa Lourival Lopes de Souza e ainda os atos de nomeação de seu irmão, Newton Pinheiro para secretário da Administração e Finanças e de nomeação e exoneração do cunhado do irmão da prefeita, Cristiano Alves, como chefe do departamento de Tributação do município.

FOTO DA CAPA: Promotor Fábio Fernandes Corrêa.

Vereador André Correia fez a denuncia ao Ministério Público.