Connect with us

Destaque HOME

Quem nunca atendeu o chamado do povo ‘pede’ pra sair

mm

Publicado

em

Na política é necessário quebrar paradigmas e estar sempre aberto às alterações que os acordos naturalmente provocam, mas, em se tratando da candidatura de Mildson Medeiros à prefeito de Itanhém nas próximas eleições, a decisão, pelo menos pela maioria absoluta da população, já foi tomada.

O nome de Mildson Medeiros não surgiu entre quatro paredes de um escritório com ar condicionado ou numa sala luxuosa da casa de um líder político, fazendeiro ou grande empresário. Em meados de 2016, quando Romeu Gazzinelli, o genro do ex-prefeito Gedeon Botelho desistiu de se candidatar, por razões que não nos interessa neste momento, foi Mildson Medeiros que foi arrancado às pressas de sua casa e colocado nas costas de uma pequena multidão que, em uníssono, gritava o seu nome. E foi assim que milhares eleitores na ocasião não ficaram órfãos.

O filho de Jonga do Cartório e neto do saudoso Grinaldo Medeiros nasceu pra servir, por isso, mesmo contra a sua própria vontade atendeu ao chamado do povo e se apresentou à frente da batalha, alimentando a esperança daqueles que sonham com uma Itanhém desenvolvida e mais justa.

E esse deve ser o comportamento de um grande líder, atender ao chamado do povo para resolver os problemas da população, especialmente da parcela mais pobre. Quem não tem este perfil ‘pede’ pra sair e, por favor, nem diga que será candidato.

Portanto, por razões bem óbvias pode-se seguramente dizer que agora é a vez de Mildson Medeiros, pela sua corajosa decisão no passado e pelo trabalho social que há décadas desenvolve na comunidade. Também, claro, pela sua capacidade de apresentar projetos e propostas inovadoras em defesa dos interesses da sua gente.

Em meio a tanta corrupção, mentiras e falsas promessas de emprego e melhoria na saúde ainda é possível acreditar que ainda existe o bom político, ético e honesto, que se faz presente na sociedade que o elegeu, que é transparente em seu trabalho, que não abandona suas bases e justifica o salário que ganha como funcionário do povo.

É por esta razão e por tudo que já sofremos nesses últimos anos, que devemos saber distinguir plano de governo comprometido com a população de conversinha fiada e promessas mirabolantes, como “mãe disso ou pai daquilo”. Não acreditem em facilidades, isso é coisa da velha política e do político arteiro.

Precisamos repudiar a cultura medíocre, ineficiente, mentirosa, intragável e emporcalhada de fazer política que muitos ainda insistem em fazer em plena era das redes sociais.

Destaque HOME

Professora de Itanhém procura por documentos perdidos

mm

Publicado

em

Uma professora que mora na cidade de Itanhém sumiu uma bolsa contendo todos os seus documentos pessoais. Ludgéria Alves Gomes Pereira registrou boletim de ocorrência na Polícia Civil de Itanhém nesta sexta-feira (1), mas não sabe precisar se o desaparecimento da bolsa ocorreu em Itanhém ou em Teixeira de Freitas.

A bolsa é pequena, de alça e da cor bege. Contatos podem ser feitos no WhattsApp (73) 9 9840-6101

Continuar leitura...

Destaque HOME

Vereadores votam contra solicitação de concurso público em Itanhém

mm

Publicado

em

Na reunião desta segunda-feira (25), o presidente da Câmara de Itanhém, Sasdelli Resende (PSDB) e os vereadores Ronaldo Correia (PC do B), Valdemar Oliveira (PT), Audrey Correia (PR) e Gelson Picoli (PSDB) votaram contra uma indicação de André Correia (PHS), que solicitava à prefeita Zulma Pinheiro o encaminhamento à Câmara Municipal, de um projeto de lei para a realização de concurso público.

Na verdade, desde a semana passada André Correia vem tentando pautar esta indicação, mas, segundo ele, o presidente da Câmara – que tem o poder de decidir quais matérias que devem ser colocadas em votação – não colocou o assunto em pauta.

Nestes casos, o regimento interno do Legislativo Municipal prevê que qualquer vereador pode solicita que sua indicação seja votada pelo plenário e assim foi feito, mas o pedido foi reprovado.

André Correia disse que não vai baixar a cabeça e que vai continuar fiscalizando e apresentando  projetos e indicações em defesa da população.

“Quando aceitarem”, ironizou o vereador.

Além de André Correia votaram a favor do concurso público Deilton Porto, o Caboquinho (DEM) e Luiz Marcos Villas Boas, o Marquinhos (PSB). Whindson Moreira Mendes, o Nem Mendes (PP), não estava presente.

FOTO: Vereador André Correia disse que não vai baixar a cabeça.

Continuar leitura...

Destaque HOME

Carro pega fogo em avenida movimentada de Itanhém

mm

Publicado

em

Um automóvel pegou fogo na Avenida Maria Moreira Lisboa a, mais movimentada de Itanhém, onde funciona o verdadeiro centro comercial da cidade, por volta das 11h30 desta segunda-feira (25).

O Fiat Uno cor branca, placa JOB-5766, de procedência de Serra-ES, segundo informações de populares, tinha em seu interior apenas o condutor, que não se feriu. O trânsito chegou a ficar interrompido, mas já foi liberado com a retirada do carro do local.

O fogo danificou apenas a parte frontal do automóvel. Pessoas que passavam pela avenida e comerciantes ajudaram apagando o fogo com baldes de água.

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado

EM ALTA