Connect with us

Entretenimento

Seu bebê nada em uma piscina de bactérias e você nunca se deu conta: eis a explicação

Edelvânio Pinheiro

Publicado

em

[VIX] A piscina de bolinhas está entre os brinquedos que mais divertem as crianças: é um espaço onde elas podem pular, gritar, deitar, jogar bolas para o alto e, também ficar doentes. Sim, este “mar de esferas” não é totalmente inofensivo. Este ambiente de muitas cores e alegrias também abriga bactérias que não são vistas a olho nu pelos pais – e que podem ser prejudiciais à saúde dos pequenos.

Especialistas da University of North Georgia, nos Estados Unidos, receberam a tarefa de coletar algumas amostras nas piscinas de bolinhas de diferentes parques e o que encontraram nelas foi um pouco assustador: restos de vômito, urina e até fezes.

Piscina de bactérias

De acordo com o estudo, as amostras retiradas das piscinas de bolinhas tinham a proliferação de 31 tipos diferentes de bactérias, muitas das quais penetram no corpo através da boca, vias nasais e olhos. Para piorar a situação, muitos pequenos têm o mau hábito de chupar bolas ou esfregá-las no rosto – o que contribui ainda mais para a transmissão de doenças.

shutterstock 56321221
POR KRISTINA POSTNIKOVA

Entre as bactérias mais perigosas encontradas, destaque para:

  • Enterococcus faecalis. Pode causar infecções no trato urinário e septicemia. Segundo o Serviço de Microbiologia de Teruel, existem 17 espécies diferentes de enterococos.
  • Staphylococcus hominis. Eles são um tipo de germes que normalmente são encontrados na pele ou no nariz das pessoas. Podem causar infecções de pele menores e seus sintomas mais freqüentes, de acordo com o Mayo Clinic Institute, são furúnculos, dermatite e erupções cutâneas.
  • Acinetobacter lwofii. Está associado ao desenvolvimento de pneumonia, meningite e infecções de pele.

Para não correr riscos, a University of North Georgia sugere que todos os parques tenham um protocolo de higiene que garanta a limpeza regular dos jogos. Enquanto isso não for regra geral, a recomendação é evitar que seu bebê brinque neste tipo de piscina.

FOTO DE CAPA: Reprodução

Continue Reading
Deixe seu comentário

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *