Connect with us

Destaque HOME

Crônica relembra personagens do antigo Mercado Municipal de Itanhém

mm

Publicado

em

O ex-diretor de Cultura do município de Itanhém, Políbio José, que é artista plástico e licenciado em História pela UNEB (Universidade do Estado da Bahia), publicou em sua página no Facebook uma crônica sob o título “Belas lembranças”, que apresenta um pouco da história itanheense.

Para dar mais vida ao texto, o artista postou uma imagem da praça Otávio Mangabeira, onde hoje está o Terminal Rodoviário, mas que, na década de 1970, estava instalado o Mercado Municipal, que funcionava como centro comercial da cidade de Itanhém. A foto é do arquivo do poeta Airam Ribeiro.

“Nas manhãs de sábado lá íamos nós, ainda criança, descendo a rua Belo Horizonte, a rua das Pedras ou, quem sabe, a Maria Moreira Lisboa, mas o certo era que aqueles sábados eram especiais”, inicia o autor. “Logo na chegada encontrávamos com outros adolescentes, sempre ao som da sanfona do senhor Mário Calundu que, em suas trovas, anunciava que em sua banca já era possível apreciar um delicioso casadinho de requeijão com tijolo”, prossegue.

Políbio José lembra de personagens muito conhecidos da época, destacando curiosidades de suas atividades comerciais. Djaniro, com uma máquina considerada de última geração, transformava as cascas da fruta em fios e Clovis Lobeu fazia barulho com um ‘escarossador’ de cana, que preparava garapas deliciosas para serem vendidas à população.

Outros comerciantes também são lembrados na crônica, como o maior comerciante da época, Zeca Barreto, que oferecia em seu estabelecimento uma grande variedade de produtos.

“Perto dali dona Laura vendia sabão de coada em forma de bolas, dentro de uma bacia de alumínio, impressionando as lavadeiras da época que, enfileiradas, compravam o sabão que era elogiado por todas as consumidoras. Mais à frente seu Marinho estava já a posto com sua gamela de jenipapo, vendendo a dúzia para quem quisesse preparar um delicioso licor”, destaca, sem esquecer do irresistível tempero de dona Ana, dos açougueiros Beló, Elias, Jovino, Zé Pretinho, Zé Ramos, Joel nem de vendedores de queijo e beiju como Ilário Palarga.

Personagens folclóricos também não foram esquecidos, como Conrado, um cidadão corcunda, Jacson Rassudo e Divá, que tinham problemas mentais, os quais não saiam dos botecos à procura de uma dose de aguardente. É claro que o autor não esqueceu de João de Dona Ana, que cuidava da limpeza de todo aquele espaço à base de creolina.

Você pode ler a crônica de Políbio José aqui. Abra antes o seu Facebook.

Destaque HOME

Academia Teixeirense de Letras realiza sessão solene final de 2018 nesta quinta (13)

mm

Publicado

em

[Edelvânio Pinheiro] A Academia Teixeirense de Letras (ATL) realiza sua sessão solene final de 2018, a partir das 19h desta quinta-feira (13), no auditório da Câmara de Vereadores de Teixeira de Freitas/BA.

“Desde já, contamos com a presença ilustre dos amantes da literatura, da cultura e da arte no nosso evento acadêmico final do ano”, convida Almir Zarfeg, presidente da ATL.

Segundo o presidente, a sessão acadêmica será marcada pelo lançamento do volume III da antologia “ATL em Verso e Prosa!”, pela abertura das inscrições para a 3ª edição do Prêmio Castro Alves de Literatura e, também, pela apresentação dos candidatos às cadeiras 22 e 36 da ATL.

“Também serão conhecidos os indicados ao Prêmio Destaque Poético 2018 da editora luso-brasileira Mágico de Oz, que vai acontecer em Petrópolis/RJ no próximo dia 15 de dezembro”, acrescentou Zarfeg.

Na oportunidade, o maestro Eudes Oliveira Brito será indicado formalmente à condição de 1º Membro Benemérito da ATL. Ele é autor da melodia e do arranjo do hino oficial da instituição literocultural. O acadêmico Marcus Aurelius é o autor da letra.

Durante a cerimônia acadêmica, a professora Enelita Freitas será homenageada pela passagem do seu 70º aniversário.

“Será um evento acadêmico inesquecível com as bênçãos de Castro Alves, nosso patrono-geral”, concluiu Zarfeg, que vai receber o Troféu Água Preta de 2018 das mãos da diretora do portal Água Preta News, Sandra Costa.

Continuar leitura...

Destaque HOME

Vídeo mostra ação de atirador dentro da igreja em Campinas

mm

Publicado

em

Imagens do circuito interno da Catedral Metropolitana de Campinas, no interior de São Paulo, flagraram o momento em que um atirador realizou disparos contra fiéis que acompanhavam à missa, no início da tarde desta terça-feira (11). Quatro pessoas morreram e outras quatro ficaram feridas devido à ação do atirador, que se matou em seguida.

Inicialmente as autoridades disseram que cinco pessoas haviam morrido, depois esse número foi corrigido.

Policiais dispararam contra o criminoso e conseguiram atingi-lo na costela. O momento em que o atirador tira a própria vida não foi registrado.

 

Continuar leitura...

Destaque HOME

Homem invade missa, mata cinco e comete suicídio na Catedral de Campinas

mm

Publicado

em

[G1]

Um homem matou cinco pessoas e deixou três feridas após invadir uma missa na Catedral Metropolitana, no Centro de Campinas (SP), na tarde desta terça-feira (11), segundo o Samu, Bombeiros e Polícia Militar. O suspeito pelos disparos na igreja, de acordo com as corporações, cometeu suicídio em seguida.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o suspeito teria entrado na Catedral com uma pistola e um revólver calibre 38, e se matado em frente ao altar após os crimes.

O que já se sabe sobre o ocorrido:

  • Um homem armado invadiu a Catedral, por volta das 13h;
  • Uma missa havia começado por volta das 12h15;
  • Ele matou quatro pessoas, deixou quatro feridos e cometeu suicídio na sequência;
  • A motivação do crime não foi esclarecida pela polícia;
  • Os feridos foram levados ao Mário Gatti e Hospital de Clínicas (HC) da Unicamp – o estado de saúde de cada um deles não foi divulgado;

“A maioria idosos, pessoas inocentes, e ele [suspeito] acabou disparando contra todas essas pessoas. A cena é desesperadora, uma tragédia muito grande”, diz o guarda Alexande Moraes.

Os mortos não foram identificados e a polícia investiga a motivação do crime. A princípio, a informação recebida pela EPTV é de que houve um assalto antes, mas autoridades negaram.

Equipes do Samu e dos Bombeiros foram enviadas ao local, por volta das 13h20. A informação inicial é de que uma mulher de 65 anos, com ferimentos na região da cervical, foi levada ao Hospital Mário Gatti; enquanto que outra, de 40 anos, foi levada ao Hospital de Clínicas da Unicamp.

A terceira vítima também estaria em estado estável, segundo o Samu, mas não há informações sobre para qual unidade ela deve ser encaminhada. O entorno da Catedral está isolado e câmeras de monitoramento da CinCamp registraram a movimentação na área.

Continuar leitura...
Anúncio Patrocinado

EM ALTA