Connect with us

Destaque HOME

Vítima de acidente em Batinga é transportada de forma inadequada por falta de ambulância

Publicado

em

Compartilhe

Um acidente envolvendo um carro e uma motocicleta, ocorrido na tarde deste sábado (17), na rua Itanhém, no centro de Batinga, mostrou a grande falta que faz uma ambulância naquele distrito.

Batinga tem uma ambulância que, há mais de um ano, está numa oficina na cidade de Itanhém. O vereador André Correia (PHS) tem feito reiteradas reclamações nas redes sociais e na Câmara Municipal onde, na reunião da última quinta-feira (15), propôs fazer um bingo de uma leitoa para pagar o conserto do automóvel.

Leia também:

Vereador de Itanhém propõe fazer bingo de uma leitoa para pagar conserto de ambulância

O Água Preta News conversou com um morador de Batinga, amigo da vítima do acidente, que se mostrou preocupado com a forma como as pessoas acidentadas vêm sendo transportadas em busca de atendimento médico-hospitalar.

Antônio Neto Dias Oliveira contou que, depois do socorro prestado pelo médico do posto de saúde, a vítima precisou ser levada para a cidade de Itanhém, porque requeria cuidados especiais.

“Ele foi conduzido de maca até perto do carro [automóvel de passeio]. Pegamos ele nos braços e colocamos no banco de trás, deitado com a cabeça no colo do pai, mas vimos que não era um posição confortável, pois o acidentado é de estatura grande. Tivemos que tirá-lo e colocá-lo no banco da frente”, explicou.

De acordo com Antônio Neto, situações semelhantes ocorrem todas as vezes que alguém precisa de uma ambulância para ser transportado. Ele citou outro caso recente em que um paciente também foi transportado de forma inadequada e, quando perguntado sobre o porquê do abandono com a Saúde de Batinga, respondeu:

“Para ser sincero não consigo entender o motivo pra uma área tão importante para nós. Será que não vê ou não querem ver?”, perguntou.

Elogio mesmo somente para o médico cubano Ramon Reyes Rodrigues, que atende no distrito e acompanhou a vítima até o hospital Maria Moreira Lisboa.

“Temos muito que agradecer ao Dr. Ramon, que tem sido muito solidário e humano com o povo de Batinga”, finalizou.

O transporte inadequado de pessoas acidentadas, como vem ocorrendo em Batinga, pode causar lesões mais graves e pode levar à morte.Foto: arquivo pessoal/Antônio Neto disse que o amigo que se acidentou foi transportado de forma irregular em um carro de passeio.  FOTO DA CAPA/Antônio Neto: Rua Itanhém, no centro de Batinga, onde ocorreu o acidente.